Obrigado por contribuir para melhorar o Fórum D!

Deixe a sua sugestão

BENEFÍCIOS DA VITAMINA D

IMPRENSA

A importância da Vitamina D (com video)


O reumatologista e um dos promotores do Fórum D, Dr. Pereira da Silva, esteve na Edição da Manhã para falar da importância da vitamina D, quando se sabe que apesar de vivermos num país onde o sol brilha grande parte do ano, muitos portugueses apresentam défice desta vitamina.

As 4 vitaminas recomendadas por um cardiologista (em inglês)


O mundo das vitaminas e suplementos é confuso. Todas apresentam os seus benefícios para a saúde, mas se tudo fosse verdade iria acabar por tomar centenas de suplementos por dia. Como saber quais é que vale a pena ter atenção? Fique a saber!

Vitamina D aumenta esperança de vida


Estudo norte-americano relaciona níveis demasiado baixos de vitamina D com o desenvolvimento de certas doenças, como as do foro cardíaco, diabetes e hipertensão.

VIDEOS

O Popular Dr. Oz aponta as Vantagens da Vitamina D


O Dr. Oz também conhecido da televisão Portuguesa refere os niveis preocupantes de carência de Vitamina D nos Estados Unidos da América e as vantagens que esta pode trazer.

A Verdadeira História da Vitamina D


Uma reportagem da CBN News sobre os efeitos da Vitamina D e os efeitos benéficos que demonstra ter contras as infecções virais entre outros.

A Vitamina D na Prevenção do Cancro


O Dr. Meschino um dos pioneiros na criação de vídeos educativos sobre medicina na Internet fala sobre a Vitamina D e a sua importância na prevenção do cancro.

Uma extensa compilação de artigos sobre Vitamina D, com link para pubmed ou fontes semelhantes.

Aceda à base científica
Prè-eclampsia

A pré-eclampsia é uma situação clínica de grande gravidade, que pode ocorrer na parte final da gravidez e provocar graves consequências à mãe e à criança.

A pré-eclampsia é uma situação clínica de grande gravidade, que pode ocorrer na parte final da gravidez e provocar graves consequências à mãe e à criança.

A pressão arterial aumenta para níveis insuportáveis e várias proteínas são excretadas na urina. O fornecimento de sangue à placenta pode ser afectado provocando sofrimento fetal.

 

Fatores de risco

A causa exacta da pré-eclampsia não é conhecida.

São apontados alguns factores que podem estar associados:

  • Distúrbios autoimunes
  • Problemas cardiovasculares
  • Dieta excessiva em açucares e gorduras polinsaturadas
  • Genéticos
  • Diabetes

 

Exposição solar e pré-eclampsia

Em muitos estudos internacionais verifica-se um risco maior de pré-eclampsia após uma concepção no verão e um parto no inverno. Os níveis de vitamina D são mais baixos no inverno.

 

Vitamina D e pré-eclampsia

Vários estudos identificaram uma relação entre os níveis de vitamina D e a pré-eclampsia:

  • Num estudo americano, as mulheres com níveis de vitamina D abaixo dos 20 ng/mL (50 nmol/L) era duas a quarto vezes mais propensas a desenvolver pré-eclampsia do que as mulheres com níveis adequados.
  • Os recém nascidos de mães com pré-eclampsia tinham duas vezes mais probabilidade de ter níveis de vitamina D abaixo dos 15 ng/mL (37.5 nmol/L). 
  • Na Carolina do Sul, EUA, as mulheres com pré-eclampsia grave tinham níveis de vitamina D mais baixos que as mulheres saudáveis.

 

Como é que Vitamina D funciona neste caso?

A vitamina D pode ajudar a reduzir o risco de pré-eclampsia pelas seguintes acções:

  • Aumenta o nível de hormona do crescimento no sangue fetal. 
  • Diminui a pressão arterial.

 

Prevenção e tratamento

Existem alguns estudos sobre o uso de vitamina D na prevenção de pré-eclampsia:

  • Num dos estudos as mulheres que, às 20 semanas de gestação, tomaram 900 UI [23 mcg] por dia de vitamina D tiveram reduziram o risco de pré-eclampsia em 32%. Estas mulheres também tomaram outras vitaminas, sais minerais e óleo de peixe.
  • Noutro estudo realizado na Finlandês, as crianças do sexo feminino que receberam 2000 UI por dia de vitamina D durante os primeiros anos de vida. Anos mais tarde, estas mulheres apresentavam metade do risco de desenvolver pre-eclampsia. A vitamina D pode ter melhorado o seu sistema imunitário.

Note-se que em nenhuma das mulheres grávidas que tomaram doses elevadas de vitamina D3 [6400 UI - 160 mcg por dia], houve acumulação excessiva de cálcio no sangue ou na urina.

A vitamina D pode ser bastante benéfica para mulheres com pré-eclampsia. Doses elevados de vitamina D3 (50,000 UI [1250 mcg]/dia) irão fazer subir mais rapidamente os níveis plasmáticos para valores óptimos que doses diárias da ordem das 6000 UI.

É importante que as grávidas discutam a suplementação de vitamina D com o seu médico. No entanto, nem todos os médicos estão informados das novidades científicas mais recentes sobre esta matéria.

 

Vitamina D associada ao cálcio

De acordo com um estudo, as mulheres que tomaram vitamina D (1200 UI [30 mcg]/dia) mais cálcio (375 mg/dia), às 20-24 semanas de gestação, tinham uma pressão arterial significativamente inferior às mulheres que apenas tinham tomado placebo.