Insuficiência cardíaca

Insuficiência cardíaca

Sumário para doentes e público em geral

 

Insuficiência cardíaca (IC) ocorre quando o coração já não tem capacidade para bombear o sangue para as necessidades de todo o corpo. Pode também designar-se por insuficiência cardíaca congestiva quando já se verifica congestão a nível pulmonar ou estase noutros órgãos.

Quase 5 milhões de americanos sofrem actualmente de insuficiência cardíaca. Anualmente, cerca de 550.000 novos casos de IC são diagnosticados e 300.000 morrem devido a esta condição.

Fatores de risco 

  • ♣    Os factores de risco para a insuficiência cardíaca incluem:
  • ♣    Doença arterial coronária.
  • ♣    Pressão arterial alta.
  • ♣    Doenças que danifiquem ou enfraqueçam os músculos ou válvulas do coração

 

Insuficiência cardíaca é mais comum nas pessoas que têm:

  • ♣    Mais de 65 anos de idade
  • ♣    Sexo feminino
  • ♣    Origem africana

 

Exposição solar e IC 

Pessoas de raça negra estão em maior risco de IC porque tendo pele mais escura têm níveis mais baixos de vitamina D. Nos EUA, os afro-americanos apresentam valores 40% mais baixos que pessoas de raça branca.

Num outro exemplo, as pessoas que vivem nas regiões do sul da Austrália têm uma diferença mais acentuada no que respeita à taxa de mortalidade por IC entre o verão e inverno do que os de regiões mais a norte. A radiação solar UVB é mais constante ao longo do ano nestas regiões, ao contrário do sul onde é muito mais variável, o que provoca diferenças sazonais fortes nos níveis de vitamina D.

 

Vitamina D e IC

Um número significativo de estudos apontam que pessoas com IC têm níveis reduzidos de vitamina D no sangue:

  • ♣    Na Austria, pessoas com suspeita de doença coronária e baixos níveis de vitamina D tinham um risco quase 3 vezes superior de falecer de IC do que aqueles com níveis de vitamina D adequados.
  • ♣    Os pacientes submetidos a transplante do coração apresentavam baixos níveis de vitamina D.
  • ♣    Em 2 estudos provenientes da Alemanha, ficou demonstrado que pessoas com IC e níveis elevados de vitamina D tiveram melhores taxas de sobrevivência.

 

Como é que Vitamina D funciona neste caso?

A vitamina pode reduzir o risco de IC porque:

  • ♣    Fortalece o músculo cardíaco.
  • ♣    Reduz o risco de doenças que podem levar a IC (pressão arterial alta, diabetes e doença coronária).
  • ♣    Reduz a inflamação.

Um estudo suporta a teoria de que a vitamina D reduz a inflamação. Outro estudo encontrou pouca relevância na suplementação de vitamina D e cálcio nos doentes com IC.

 

Prevenção

Não existem estudos randomizados que investiguem directamente o efeito de doses elevadas de vitamina D com a redução no risco de IC. No entanto, estudos observacionais sustentam o facto de que a vitamina D pode reduzir o risco de IC.

Tendo por base estudos focados em doentes com IC e outras doenças, parece que níveis de vitamina D acima dos 30–40 ng/mL (75–100 nmol/L) podem reduzir o risco da doença.

Vitamina D e cálcio

Crianças com raquitismo ou insuficiência cardíaca grave podem beneficiar de doses extra de vitamina D associada com cálcio.

Tratamento

A combinação de vitamina D e cálcio pode ajudar a reduzir o risco de IC. No entanto, são necessários mais estudos para comprovar tal teoria.

div#stuning-header .dfd-stuning-header-bg-container {background-image: url(http://forumd.org/forumd/wp-content/uploads/2018/06/Background-2000x800.jpg);background-size: cover;background-position: center center;background-attachment: scroll;background-repeat: no-repeat;}#stuning-header div.page-title-inner {min-height: 240px;}