Carência de Vitamina D associada a dermatite atópica

Carência de Vitamina D associada a dermatite atópica

Oito em cada dez crianças na Coreia do Sul sofrem de deficiência de vitamina D, condição que pode contribuir para o desenvolvimento de Dermatite Atópica ou Rinite Alérgica.

Uma equipa de investigação, liderada pelo professor Kim Ji-hyun e pelo cientista Yang Hye-kyung, da Samsung Medical Center, realizou um estudo no qual 3.720 alunos do ensino básico foram seleccionados aleatoriamente, a partir dos alunos de 45 escolas de todo o país, para testar os níveis de vitamina D no sangue.

Entre outubro e novembro de 2010, a equipa de investigação recolheu amostras de sangue dos estudantes e determinou os níveis de vitamina D, com o objetivo de identificar a associação entre os níveis de Vitamina D nas crianças e a doença atópica da pele, asma e outras doenças alérgicas.

O estudo revelou que apenas 17,6 % dos alunos (653 alunos) apresentavam níveis suficientes de vitamina D (>30 ng/ml), enquanto 64 % (2.384 alunos) mostravam ter carência moderada (20-29,9 ng/ml) e 18,4% (683 estudantes) carência grave (20 ng/ml ou menos).

A exposição à luz solar é fundamental para a produção de vitamina D através da pele, pelo que o estudo sugere que crianças coreanas não dispensam tempo adequado ao ar livre. De acordo com estatísticas publicadas pelo Instituto Nacional de Pesquisa Ambiental da Coreia do Sul, em maio último, crianças com idades entre os 3 e 9 anos passam uma média 34 minutos ao ar livre por dia, enquanto que as crianças nos Estados Unidos passam 119 minutos, quase quatro vezes mais.

Este estudo demonstrou ainda que as crianças que tinham níveis de vitamina D abaixo de 20 ng/ml eram 1,3 vezes mais propensos a desenvolver a dermatite atópica e rinite alérgica do que crianças que tinham níveis de vitamina D superiores a 30 ng/ml.

“Devido a mudanças no estilo de vida, muitas crianças passam menos tempo fora de casa o que está a causar um aumento dos casos de carências de vitamina D. Os pais devem estar mais conscientes de quanto tempo os seus filhos passam no exterior e garantir que eles têm uma exposição adequada à luz UV “, disse o professor Kim.

Este estudo integra o Projeto de Desenvolvimento de Tratamento Médico realizado pelo Ministério da Saúde, e Instituto de Desenvolvimento da Saúde, e foi publicado numa edição recente da Allergy and Asthma Proceedings.

 

Fontes & Referências

https://www.vitamindcouncil.org/vitamin-d-news/vitamin-d-deficiency-linked-to-atopic-dermatitis-in-korean-children/

http://koreabizwire.com/lack-of-outdoor-activity-leads-to-atopic-dermatitis-in-children/62707

http://www.ingentaconnect.com/content/ocean/aap/2016/00000037/00000004/art00005

div#stuning-header .dfd-stuning-header-bg-container {background-image: url(http://forumd.org/forumd/wp-content/uploads/2018/06/Background-2000x800.jpg);background-size: cover;background-position: center center;background-attachment: scroll;background-repeat: no-repeat;}#stuning-header div.page-title-inner {min-height: 240px;}