Vitamina D ajuda a reduzir a incidência de alergias na infância

Vitamina D ajuda a reduzir a incidência de alergias na infância

Num estudo publicado recentemente na revista Allergy, o Professor Cameron Grant, da Universidade de Auckland, mostrou, pela primeira vez, que os suplementos de vitamina D podem prevenir a sensibilização alérgica aos ácaros da poeira doméstica em crianças.

O Prof. Grant diz ainda acreditar que suplementos de vitamina D também podem ajudar a prevenir o desenvolvimento de asma em crianças pequenas.

De acordo com este artigo, as políticas de saúde pública de evicção de exposição solar, o baixo teor em Vitamina D da dieta e a não utilização de suplementos de Vitamina D podem contribuir para a elevada prevalência de Vitamina D na Nova Zelândia.

A carência de vitamina D é uma situação muito prevalente na Nova Zelândia, com 57% dos recém-nascidos a apresentarem baixas concentrações no momento do nascimento.

Paralelamente, a asma e alergias são altamente prevalentes na Nova Zelândia. 25% das crianças de 6 e 7 anos sofrem de asma e 35% de crianças de 11 e 12 anos apresentaram uma reação alérgica a ácaros, plantas, alimentos ou outros alérgenos.

“O nosso ensaio clínico de suplementação de vitamina D durante a gravidez e infância mostrou que, quando estes suplementos foram iniciados na mãe com 27 semanas de gestação e continuados na criança até aos seis meses de idade, preveniram a sensibilização da criança aos ácaros (medidos quando a criança tinha 18 meses de idade) “, diz o Dr. Grant.

“Com base numa análise cuidadosa dos registos de visitas das crianças ao seu médico de família, vimos também que a suplementação de vitamina D reduziu a percentagem de crianças que recorreram aos cuidados de saúde primários devido à asma”, continua o investigador.

“O diagnóstico de asma numa idade tão jovem é difícil de fazer, por isso estes dados têm de ser interpretados de forma cautelosa e não posso dizer de forma clara que o estudo mostra que a vitamina D previne a asma,” diz o Dr. Grant.

De acordo com o Professor Grant este “é o primeiro estudo que demostra que corrigir os níveis de vitamina D durante a gravidez e infância pode ser um factor relevante na prevenção da asma na infância.”

Dr. Grant acrescenta ainda: “Um aspecto interessante é que os efeitos que vimos foram medidos um ano após a suplementação de vitamina D ter sido interrompida.”

“Isto implica que a vitamina D tenha causado alguma alteração no sistema imunitário da criança durante o desenvolvimento uterino e infância precoce, que resultou numa resposta diferente do mesmo sistema imunitário aos ácaros na idade de 18 meses.”

“Eventos precoces na vida, incluindo aqueles antes do nascimento, podem influenciar a futura sensibilidade de um bebé aos alérgenos,” diz o Dr. Cameron Grant.

“Como os receptores de vitamina D estão presentes em muitas células imunológicas sabemos que a vitamina D pode afetar a forma como o sistema imunológico funciona”, continua. “Em teoria, manter níveis óptimos de vitamina D quando esta sensibilização do sistema imunitário da criança se está a desenvolver no final da gravidez e no início na infância, poderá impedir uma futura sensibilidade alérgica.”

Referência:

Vitamin D supplementation during pregnancy and infancy reduces aeroallergen sensitisation: a randomised controlled trial.

Grant CC, Crane J, Mitchell EA, Sinclair J, Stewart A, Milne T, Knight J, Gilchrist C, Camargo CA Jr. Allergy. 2016 Apr 6

div#stuning-header .dfd-stuning-header-bg-container {background-image: url(http://forumd.org/forumd/wp-content/uploads/2018/06/Background-2000x800.jpg);background-size: cover;background-position: center center;background-attachment: scroll;background-repeat: no-repeat;}#stuning-header div.page-title-inner {min-height: 240px;}